Mais de 20 anos depois do fim do apartheid na África do Sul, racismo ainda é mal social

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/03/2014 às 17:30
Leitura:
Na última sexta-feira (21) foi celebrado o Dia Internacional de Combate à Discriminação Racial. A data foi instituída em 1976 pela Organização das Nações Unidas (ONU) para lembrar o massacre, na África do Sul, durante o regime do apartheid, em 1960. Para debater sobre o assunto com a apresentadora Karoline Fernandes, a JC News recebeu nesse domingo (23), Rejane Pereira, integrante da Articulação Negra de Pernambuco e da Cidadania Feminina, Wagner Arandas, mestre em Direitos Humanos e professor de Direito da Faculdade dos Guararapes, e o gerente de Promoção da Igualdade Racial do Recife, Samuel da Luz.

Mais Lidas