Tropas do exército devem permanecer nas ruas de Pernambuco até a próxima semana

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 20/05/2014 às 9:00
Leitura:
ex Foto: Sério Bernardo / JC Imagem As forças armadas devem permanecer nas ruas de Pernambuco até o dia 29 de maio. Em coletiva de imprensa, nessa segunda-feira (19), com representantes do governo e do exército, o Estado garantiu que a paz voltou quando a paralisação da Polícia Militar chegou ao fim, mas que as tropas nacionais continuam a garantir a segurança. De acordo com o chefe da Polícia Civil de Pernambuco, Oswaldo Morais, pelo menos 124 casos relacionados a saques no comércio durante a greve são investigados. Além disso, 53 prisões em flagrante foram realizadas. Agora as delegacias estão voltadas aos trabalhos de identificação dos envolvidos nos roubos. Já o secretário de Defesa social, Alessandro Carvalho, disse também que inquéritos já foram abertos para avaliar possíveis transgressões dos policiais militares durante a greve, mas que ninguém foi preso. Dados da Secretaria de Defesa Social apontam, que nos dias de greve, 40 homicídios foram registrados em Pernambuco.

Mais Lidas