Polícia prende membros de torcidas organizadas suspeitos de vandalismo

Da Rádio Jornal

Da Rádio Jornal [caption id="attachment_94437" align="alignnone" width="386"]Os torcedores presos eram membros da Fanáutico Foto: Diego Nigro/ JC Imagem Os torcedores presos eram membros da Fanáutico
Foto: Diego Nigro/ JC Imagem[/caption]

Quatro integrantes de torcidas organizadas, suspeitos de envolvimento em práticas de vandalismo, tumulto, dano ao patrimônio público e formação de quadrilha, estão sendo procurados pela Polícia Civil de Pernambuco.

Nesta sexta-feira (23), dois mandados de prisão preventiva foram cumpridos. Walace Santos Duarte, de 23 anos, e Davi Marcos Custódio de Lira, de 24, integrantes da torcida organizada Fanáutico, do Náutico, foram presos em casa, em Cadeias, bairro de Jaboatão dos Guararapes, e no Cordeiro, em Recife.

As investigações da operação Gol de Placa, iniciaram há nove meses e são coordenadas pelo Comando de Operações e Recursos Especiais (Core) e a Delegacia de Repressão à Intolerância Esportiva.

De acordo com o delegado José Silvestre, diretor do Core, os suspeitos foram identificados por imagens de câmeras, em confusões. Outros quatro alvos da jovem, entre eles, o presidente e o vice e dois diretores da organizada do Sport, não foram localizados durante as buscas.

Além dos seis mandados de prisão preventiva, dois de buscas e apreensão foram realizados nas sedes da Fanáutico e Jovem. Um contingente de 56 policiais civis participaram da operação. O repórter Rafael Carneiro, da Rádio Jornal, dá os detalhes da operação na matéria: [uolmais_audio 15046648]

TAGS

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

CONTINUE LENDO