Grávida de 2 meses é morta a facadas por ex-companheiro em Surubim, no Agreste


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 17/07/2014 às 7:18
Leitura:
Com informações do Jornal do Commercio Imagem: reprodução/TV Jornal Imagem: reprodução/TV Jornal A dona de casa de apenas 25 anos, Janicleide Oliveira de Souza, grávida de dois meses do quarto filho, foi assassinada pelo ex-companheiro, dentro da própria casa, na noite da última terça-feira (15). Ela estava separada de José Roberto do Nascimento, 30 anos, há duas semanas. O suspeito confessou o crime, praticado na frente de um menino de cinco anos. O assassinato aconteceu em Surubim, Agreste pernambucano. De acordo com a polícia, Janicleide e José Roberto estavam juntos há três meses. Ela teria decidido se separar após descobrir que ele é casado. O cozinheiro não estaria satisfeito com o fim do relacionamento, tentou reatar e, como não foi correspondido, reagiu com violência e esfaqueou Janicleide. O cozinheiro José Roberto tentou esfaquear José Carlos Oliveira, irmão de da dona de casa, porque ele tentou defender a irmã. José Carlos está internado no Hospital Getúlio Vargas, Zona Oeste do Recife. A polícia aguarda que José Roberto, internado no Hospital Otávio de Freitas com ferimentos leves, receba alta para levá-lo para o Presídio Juiz Plácido de Souza, em Caruaru. Ele será acusado de homicídio, agravado pela relação afetiva que tinha com a vítima, e tentativa de homicídio.

Mais Lidas