Extravio de bagagem está em segundo lugar no ranking de reclamações da Anac

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/07/2014 às 10:27
Leitura:
bagageeeeeeeeeeeeeeeeeem Foto: Chico Porto / JC Imagem A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) registrou um aumento nas queixas de extravio de bagagens. De acordo com a Anac, em 2014 foram feitas 1456 reclamações contra 1377 em 2013. O assunto é o segundo no ranking de reclamações, perdendo só para o problemas com atendimento. Os relatos vão de dúvidas a reclamações sobre danos, roubo, perda, furto e extravio de bagagem. O passageiro que perder a bagagem ou receber a mala quebrada, arrombada e até molhada pode e deve reclamar. O Instituto de Defesa do Consumidor orienta que se a bagagem não for encontrada e devolvida em até 30 dias, o cliente deve ser ressarcido de forma integral pelo dano e por eventuais gastos pela falta da mala. Os usuários das companhias aéreas podem registrar as queixas nos canais disponibilizados pela própria empresa. Se não conseguir uma solução, deve procurar o órgão de defesa do consumidor ou o próprio judiciário.

Mais Lidas