Planos de saúde coletivo aumentaram mensalidades em até 70%

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/07/2014 às 10:00
Leitura:
Nove em cada dez planos de saúde coletivos reajustaram as mensalidades com índices acima da inflação no último ano. O levantamento foi feito pelo Instituto de Defesa do Consumidor e mostra que, em alguns casos, o aumento fica bem acima da inflação, e passa de 70%. A Agência Nacional de Saúde não estabelece um limite de reajuste para os planos de saúde coletivos. Hoje, 80% dos planos de saúde do Brasil são coletivos. Desses, 88% são de até 30 pessoas. A ANS regulamenta os planos de saúde individuais e os coletivos. Para os individuais, ela estabelece o reajuste máximo permitido. Mas, no caso dos coletivos, as operadoras precisam apenas informar a ANS sobre o valor aplicado, o que deixa os consumidores em uma posição muito frágil. Entre maio de 2013 e abril desse ano, algumas operadoras já aplicaram reajustes. A média dos dez maiores reajustes chega perto de 50%. Em nota, a ANS disse que monitora os percentuais aplicados e que as divergências e os valores extremos flagrados durante o monitoramento já foram analisados e poderão resultar em punições às operadoras. Em entrevista à JC News com Joffre Melo, a coordenadora da Associação de Defesa dos Usuários de Seguros, Planos e Sistemas de Saúde (Aduseps), Karla guerra, fala sobre o aumento:

Mais Lidas