Novas medidas vão reforçar segurança nos aeroportos para evitar transmissão de ebola

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 01/08/2014 às 13:50
Leitura:
O governo brasileiro reforçou recomendações aos agentes sanitários em portos e aeroportos brasileiros. Depois do desembarque, o viajante é encaminhado para uma área remota, quando é avaliado por profissionais de saúde. As equipes de saúde são encarregadas de atender passageiros que apresentaram problemas como febre, diarreias ou hemorragias durante viagem ao Brasil. A medida é eficaz para identificar rapidamente casos de uma eventual contaminação por ebola nos viajantes. A Organização Mundial de Saúde anunciou, nessa quinta-feira (31), um plano de 100 milhões de dólares para combater a epidemia do ebola. O governo brasileiro vai enviar, na próxima semana, dez kits para Libéria e Serra Leoa, com itens usados em catástrofes. De acordo com a OMS, o vírus é responsável pela epidemia que até agora atingiu 1300 pessoas e provocou 729 mortes na África Ocidental.

Mais Lidas