Prédio-caixão desocupado desaba parcialmente em Boa Viagem

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 01/08/2014 às 9:38
Leitura:
10556485_10201437430417060_7647798070382541639_n Foto: Wellington Dantas / SJCC Um prédio localizado no bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, desabou parcialmente, na madrugada desta sexta-feira (1º).  Ninguém ficou ferido, já que o edifício Emílio Santos, que fica na Avenida Hélio Falcão, estava desocupado desde maio do ano passado. Os três blocos, do tipo caixão, foram construídos em 1990 e têm 32 apartamentos ao todo. No ano passado, alguns imóveis começaram a apresentar rachaduras e a Defesa Civil foi acionada. 10516654_10201437434137153_7975499147325073214_n Foto: Wellington Dantas / SJCC De acordo com os moradores do edifício, as rachaduras são antigas, mas se agravaram no ano passado, quando grandes fissuras surgiram em dois apartamentos do térreo do bloco C. No dia 21 de maio de 2013, a Secretaria Executiva de Controle Urbano concluiu a entrega das notificações aos moradores dos três blocos interditados. Na época, técnicos da Secon deixaram o aviso de desocupação imediata dos blocos A, B e C nas mãos do síndico Márcio Costa e de outros residentes. A repórter Clarissa Siqueira traz informações direto do local do desabamento: Os moradores do edifício chegaram aos poucos ao local e não quiseram ser identificados pela reportagem. Eles afirmam que o acidente aconteceu por descaso da Prefeitura do Recife. Eles alegam que até agora não receberam indenização ou indício de que o prédio seria demolido, facilitando o pagamento do valor referente ao valor do imóvel. Parte dos moradores, inclusive, nunca recebeu, se quer, o auxílio aluguel.

Mais Lidas