Encontro entre Renata Campos e lideranças do PSB vai esclarecer possibilidades dela entrar para a política

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 18/08/2014 às 7:30
Leitura:
Atualizada às 10h20 ren Foto: Bobby Fabisack / JC Imagem Viúva de Eduardo, Renata Campos, vai falar, nesta segunda-feira (18), sobre as especulações sobre a indicação para ser vice de Marina Silva. O encontro com as lideranças do PSB e da Frente Popular será às 10h, na Blue Angel, no Derby. A militância também deve comparecer em grande número ao primeiro ato político sem o ex-governador de Pernambuco. Existem socialistas que apoiam a ideia de ter Renata Campos como vice de Marina, como forma de manter o nome de Eduardo. O atual governador, João Lyra Neto descarta essa possibilidade com o argumento de que ela precisa cuidar dos cinco filhos. A viúva do presidenciável vem sendo elogiada pela altivez e equilíbrio no trato com os parentes e amigos enlutados. Os socialistas também negam com veemência os rumores de mudança na chapa majoritária ao governo do estado. Paulo Câmara, candidato à sucessão de Eduardo Campos, afirmou que é hora de seguir em frente: Em entrevista à JC News com Antônio Martins Neto, o presidente do PSB em Pernambuco, Sileno Guedes, explica que esse é um evento que já estava previsto na capanha de Campos, mas que foi antecipado atendendo pedido da viúva Renata Campos para "mostrar que a presença de Eduardo estará sempre viva":

Mais Lidas