Especialista diz que divulgação da imagem da queda do avião de Campos descarta tentativa de pouso

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 20/08/2014 às 16:34
Leitura:
Da Rádio  JC News  Foto: Reprodução/ Vídeo
Foto: Reprodução/ Internet

Foram divulgadas na noite dessa terça-feira (20) novas imagens sobre a queda de avião em Santos que vitimou o ex-governador Eduardo Campos e sua equipe. As imagens, que foram registradas pelas câmeras de monitoramento de um prédio em construção, mostram o avião caindo de bico entre prédios e, só então, produzindo um clarão de explosão, fogo e coluna de fumaça. O acidente ocorreu às 10h. As imagens só foram divulgadas agora porque o horário da câmera estava errado, marcando 11h03, o que dificultou encontrar as imagens.

De acordo com a aeronáutica, o avião arremeteu por conta do mau tempo e, quando fez a volta para tentar novo pouso, a aeronave perdeu altitude e caiu sobre as residências no bairro de Boqueirão, em Santos, litoral paulista.

Sobre o assunto, Everson Teixeira conversou com o piloto comercial Dino Lincoln. Ele disse que desde as primeiras imagens do local da queda, não parecia ter sido uma queda durante uma tentativa de pouso. "Pela forma como estava o local parecia que ele tinha caído verticalmente", justificou Dino Lincoln. Com a divulgação dessa filmagem a suspeita foi confirmada.

O piloto disse que a dúvida agora é se o avião caiu ainda em voo desorientado ou se ele caiu por perda de sustentação, o que levaria a aeronave a cair sem controle. Questionado sobre se teria sido erro humano ou mecânico, o piloto disse que ainda é muito cedo para afirmar. "Um acidente aéreo normalmente não é um único fator que causa. Normalmente é uma soma de  pequenos fatores, que poderiam ser evitados, que geram isso", salientou o piloto.

Confira a entrevista completa:

Mais Lidas