Polícia Federal destrói 300 mil pés de maconha no Sertão de Pernambuco

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 22/08/2014 às 13:07
Leitura:
089d79ff9d574876d08be3fcf3c2da74 Foto: Divulgação / Polícia Federal A Polícia Federal em Pernambuco apresentou, nesta sexta-feira (22), o resultado da operação Angico II. A ação apreendeu mais de uma tonelada de maconha e destruiu 300 mil pés da droga no Sertão pernambucano, em municípios da Bahia e de Alagoas. A operação, realizada com apoio da Secretaria de Defesa Social e da Secretaria de Segurança Pública do Ceará, envolveu 60 policiais federais e militares, o Grupo Tático Aéreo (GAT), o Corpo de Bombeiros e a Companhia Independente de Operações na área de Caatinga. O chefe de Comunicação da Polícia Federal, Giovani Santoro, detalha como foi a ação: De acordo com a PF, as diversas operações realizadas no Sertão de pernambuco, tem impedido os traficantes da região de produzir a droga. Uma das consequências é a importação do entorpecente do Paraguai. O dado foi constatado pelo aumento no número de apreensões de maconha feitas pela Polícia Federal do país vizinho.

Mais Lidas