Arquidiocese de Olinda e Recife lança campanha para arrecadar doações para o Projeto Pró-Criança

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 27/08/2014 às 14:45
Leitura:
Da Rádio JC News Prédio foi atingido por incêndio na segunda-feira (25) Prédio foi atingido por incêndio na segunda-feira (25)

Com parte do prédio destruído e um prejuízo estimado em R$ 4 milhões, o futuro de mais de 600 crianças atendidas na unidade do Pró-Criança dos coelhos, na área central do Recife depende da reconstrução da estrutura atingida pelo fogo.

Nesta quarta-feira (27), foi dado o primeiro passo para a reativação das atividades. A recuperação do espaço vai contar com a ajuda de doações em uma campanha lançada. O diretor/presidente do Pró-Criança dos Coelhos, Sebastião Vicente, explicou como a ajuda pode ser feita. Através da campanha Regar a pessoa pode autorizar o desconto na conta de água, um desconto que pode ser de R$ 1 a R$ 10", destacou o diretor.

Outro canal também pode ser utilizado. Depósitos podem ser feitos no Banco do Brasil na agência 1833-3 e na conta 18816-6 do movimento.

Crianças e adolescentes do coral Pró-Criança dos Coelhos se apresentaram no auditório da instituição com a esperança de dias melhores. Cássio Vitor de 16 anos, aluno do pró criança, ainda sente o incêndio. A gente sabe que o que perdeu não volta. Mas o Pró-Criança não vai acabar aqui, destacou Cássio.

A ideia do projeto é retornar ao trabalho nesta próxima segunda (1º), provavelmente no Centro Social dos Coelhos e em parte do prédio que não foi incendiada. Mas esta ação depende da liberação da Defesa Civil do Recife que pode ser concedida até sexta feira (29), depois de uma vistoria nas instalações elétricas.

Para o arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, o pensamento é um só: o renascimento do projeto filantrópico. Há 21 anos o Movimento Pró-Criança trabalha com o objetivo de promover o direito à cidadania de jovens em situação de risco ou abandono.

Confira os detalhes na reportagem de Rafael Carneiro:

Mais Lidas