Depois de quatro anos de queda, desmatamento aumenta 28% na Amazônia

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 11/09/2014 às 10:50
Leitura:

eca8f62e6aaf4a90e33dfe5b95bc9ef1 Foto: Agência Brasil

O desmatamento na Amazônia voltou a subir depois de quatro anos em queda. A área desmatada no último ano corresponde a duas vezes o estado de São Paulo. Foram destruídas áreas no Pará, no Mato Grosso e no Maranhão.

Em entrevista à JC News com Antônio Martins Neto, a cientista política e membro de Áreas Protegidas da Unesco, Alexandrina Sobreiro, explica que a fiscalização para combater o crime ambiental é o primeiro problema. O desmatamento aumentou 28% e é uma consequência de fatores econômicos: o preço dos produtos agropecuários aumentou, tornando a produção mais atrativa e "incentivando" fazendeiros e agricultores a avançar a produção por áreas ilegais.

Além disso, o enfraquecimento das normas, com o novo código ambiental, leva impunidade aos criminosos:

Mais Lidas