Missa de 30 dias da morte de Eduardo Campos deixa Matriz de Casa Forte lotada

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 13/09/2014 às 22:00
Leitura:
família campos Foto: Diego Nigro/JC Imagem Com missa celebrada pelo pároco de Casa Forte, Padre Edvaldo Ramos, a igreja Matriz de Casa Forte lotou seus 400 lugares com fiéis que foram render homenagens aos 30 dias de falecimento do ex-governador e ex-candidato à presidência da República, Eduardo Campos, morto no último dia 13 de agosto em um acidente de avião, durante campanha política na cidade de Santos, litoral de São Paulo. Entre os presentes, além de Renata Campos e os cinco filhos, estavam o prefeito da cidade, Geraldo Julio, o atual governador do Estado de Pernambuco, João Lyra Neto e o candidato pela Frente Popular ao governo do Estado, Paulo Câmara. A missa foi organizada pela própria família, que frequentava o lugar. Na página oficial do facebook de Eduardo Campos, que não recebia atualização desde o dia do acidente, a ex-primeira dama postou uma carta em homenagem à memória do ex-governador. Confira a carta na íntegra.

Dudu, lembra do nosso último dia dos namorados? Você me presenteou com esses versos: As pessoas não se precisam, elas se completam. Não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objetivos comuns, alegrias e vida. Parece que Mário Quintana sabia direitinho tudo que vivemos desde que começamos nossa vida juntos, eu com 13 anos e você, 15.

Há um mês, nossos filhos perderam um maravilhoso pai e eu, o melhor marido. Perdemos seu sorriso generoso, seu abraço carinhoso, a alegria da sua presença. Mas o Brasil ganhou um exemplo.

De todos os lugares, vieram orações, mensagens de apoio, manifestações de respeito e admiração. Somos gratos por todas. Foi do amor, da solidariedade e da fé que extraímos força para viver esse momento.

O Brasil lhe descobriu e chorou conosco sua perda. E está sendo belo, Dudu, ver que você se tornou aquilo que acreditava. Você se transformou em seus ideais. Sua vontade de melhorar a vida das pessoas, sua luta e sua resistência se transformaram em coragem pra mudar. O homem se tornou ideia. E, como diz aquela frase de Victor Hugo que você tanto gostava não há nada mais poderoso do que uma ideia cujo tempo chegou.

Pode ficar tranquilo. Sua bandeira é agora a bandeira de todos os brasileiros. Seu amor e sua dedicação são nossa maior herança. Não, não vamos desistir do Brasil sob hipótese alguma.

Com muito amor e saudade,

Renata, Maria Eduarda, João, Pedro, Zé e Miguel.

Mais Lidas