Cientista Político diz que o País esta dividido e quem vencer terá que unificar a nação

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 26/10/2014 às 10:37
Leitura:
Em entrevista ao comunicador Rhaldney Santos, o cientista Político, Isaac Luna, opinou sobre a força dos programas de governo e das ideologias políticas para a decisão de quem governadá o Brasil nos próximos quatro anos. De acordo com o cientista, hoje é o dia em que o povo brasileiro vai ter o direito de escolher livremente seu governante. De acordo com o professor de Direito, essa eleição é atípica, pois não há contestação de modelo de País, e sim na forma de executar esse modelo. A pauta dessa eleição são as políticas de inclusão social. A difereça é que um é mais voltado para a gestão e as contas públicas e o outro se foca nas questões sociais. O professor informa que ambos os partidos seguem uma ideologia "social-democrática". "Desde 1994, o PT retirou do seu pograma de governo a palavra socialismo. Não há previsão de grandes transformações no sistema de governo, independente de quem vencer", explicou. Por último, Isaac afirmou que quem vencer tem um desafio: unificar o país novamente e governar pensando no futuro do País, sem partidarimos. Ouça a entrevisa completa:

Mais Lidas