Terezinha Nunes diz que PT venceu em PE por causa do Bolsa Família e porque, no Nordeste, pessoas têm menos acesso às informações

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 27/10/2014 às 13:00
Leitura:

d97d8b8f171957692d3bb95f6abc1743 Foto: Igo Bione / JC Imagem

O debate na JC News com Antônio Martins Neto, desta segunda-feira (27), recebeu a deputada estadual Terezinha Nunes (PSDB) para fazer uma análise do resultado das eleições presidenciais, e especialmente o que a vitória expressiva de Dilma Rousseff (PT) significa para o estado.

Em Pernambuco, Dilma teve 70,20% dos votos. Nas eleições estaduais, no entanto, Paulo Câmara (PSB) foi eleito governador de Pernambuco, ainda no primeiro turno, com 68,08% dos votos válidos, a votação mais expressiva de todo o país. Mesmo com o apoio do PSB e da viúva de Eduardo Campos a Aécio Neves, o partido socialista não conseguiu mostrar força no estado e o candidato do PSDB, Aécio Neves, viu o partido dos trabalhadores conquistar a terceira maior votação percentual do país em Pernambuco.

Para Terezinha Nunes, a votação de Dilma se deu por causa do Bolsa Família no Nordeste. Até em Minas Gerais, a deputada analisa a vitória de Dilma por causa da votação da petista ao norte do estado, uma área tida como nordestina em Minas, extremamente carente e dominada pelo Bolsa Família, segundo ela. "Realmente foi o Bolsa Família, não há outra explicação", frisou. Para a deputada, o governo de Dilma vai enfrentar uma crise política muito séria já que não é apenas um partido que está insatisfeito com a atual gestão, mas metade da população que foi às ruas em junho de 2013.

Ouça entrevista na íntegra em que deputada pernambucana também fala de possíveis mentiras espalhadas durante a campanha, como a de que o PSDB acabaria com o Bolsa Família, e onde ela diz que o PT ganhou no Nordeste porque, na região, as pessoas têm menos acesso às informações:

Mais Lidas