"Não há alinhamento automático do PSB com a oposição", diz Tadeu Alencar


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 28/10/2014 às 9:55
Leitura:
Da Rádio Jornal Atualizada em 29.10.2014 às 8h47 tadeu alencar e humberto costa interna Nesta terça-feira (28), PSB e PT voltaram a criar polêmica em Pernambuco. Em entrevista ao comunicador Geraldo Freire, o deputado Federal socialista, Tadeu Alencar, afirmou que o alinhamento político do partido ainda não está decidido e que a aliança com o PSDB foi uma união circunstancinal. Em resposta, o senador pelo PT, Humberto Costa, disse que o dircurso do PSB o alegra, embora estejam em posição belicosa desde 2012, quando houve um rompimento na gestão municipal do Recife. Durante a entrevista, Tadeu Alencar, nome forte da gestão Eduardo Campos, parabenizou Dilma Rousseff pela vitória nas eleições 2014 e cobrou que o governo da petista traga melhorias em relação aos quatro primeiros anos. Falou ainda que o PSB é um partido em ascensão. "Não há cadáver no PSB, o partido continua crescendo e avançando no Estado", disse. Tadeu Alencar ainda entrou na polêmica sobre a vitória de Dilma em Pernambuco com 70,20% dos votos, apesar do PSB ter apoiado Aécio. "Falar em derrota do PSB não tem lógica", disse. E completou afirmando que a atitude de recolhimento de Paulo Câmara é apenas para 'desarmar os palanques'. Ouça a entrevista de Tadeu Alencar completa no player abaixo: Também em entrevista a Geraldo Freire, o senador pelo PT, Humberto Costa, criticou a posição que o PSB tomou durante as eleições 2014. Para o senador a opção do PSB na eleição deste ano, ao apoiar Aécio Neves (PSDB), foi uma exceção em toda a história do partido. O PSB historicamente teve uma posição de esquerda e defendeu um projeto popular, confirmou. Quando perguntado como recebe a possibilidade de o PSB não ficar na oposição ao novo governo da presidente Dilma Rousseff (PT), o petista disse que recebe com alegria a disposição dos socialistas para conversar sobre temáticas nacionais. Acho relevante que o PSB condicione seu posicionamento a um debate de ideias, declarou. Humberto ainda falou sobre a relação da presidente com Pernambuco e que a meta agora é buscar o diálogo com todos os setores da sociedade, incluindo a oposição. Confira agora a entrevista de Humberto Costa a Geraldo Freire: Leia também: Vitória de Dilma Rousseff em Pernambuco impõe derrota política ao PSB No debate da Super Manhã, o ex-governador de Pernambuco, Joaquim Francisco, e o vereador do Recife pelo PSDB, André Regis. Ouça os comentários abaixo:

Mais Lidas