Reforma de plano de cargos e carreiras da PM aguarda aprovação do governo do estado

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 07/11/2014 às 16:00
Leitura:

3941ed1c2f5b8d67cf02e71abe14ec77 Foto: acervo JC Imagem

O projeto de reformulação do plano de cargos e carreiras dos policiais militares de Pernambuco foi enviado para governador João Lyra através da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) e, se aprovado, já vai passar a valer a partir da próxima segunda-feira (10). No entanto, segundo a categoria, se a reforma for aceita só vai fazer valer direitos que já existiam.

A classe espera negociar reajuste salarial e aumento de efetivos com o governador eleito Paulo Câmara, a partir de janeiro. De acordo com a Alepe, esses assuntos não entraram na pauta devido às eleições e à lei da responsabilidade fiscal. Ainda segundo o deputado Waldemar Borges foram entregues reivindicações ao órgão, e eles tentaram solucionar cinco pontos mais importantes.

As associações de Cabos, Soldados e de Praças afirmam que o déficit atual da PM é de 10 mil policiais.

Mais Lidas