Detran passa a usar equipamento eletrônico para registrar multas


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 11/11/2014 às 16:35
Leitura:
Foto: Divulgação Foto: Divulgação

O Departamento Estadual de Trânsito, Detran, começou nesta terça-feira (11) a utilizar uma nova ferramenta eletrônica para aplicar multas. Com o auto eletrônico de infração substituindo o talão de papel, o órgão acredita que vai diminuir a impunidade, com transparência no processo de notificação dos motoristas.

A novidade funciona semelhante a um smartphone, com GPS, que identifica a hora e o local onde o agente está aplicando a multa, registro em fotos de fotos da infração e até gravação em áudio.

O equipamento funciona conectado ao banco de dados do Detran, com acesso ao código de trânsito brasileiro e legislações. O presidente do Detran Pernambuco, Carlos Casanova, detalha que cada agente usa login e senha para acessar as informações do auto eletrônico, e então começa a identificar o veículos, condutor e infração.

Quem cometeu a infração tem a possibilidade de assinar eletronicamente o auto, impresso com auxílio de uma impressora de bolso. Com a notificação de autuação em mãos, o motorista pode ir até a sede do Detran, no bairro da Iputinga, ou ao site do órgão e emitir a guia para pagar a multa.

O advogado Carlos Cardoso foi uma das primeiras pessoas a assinar eletronicamente a notificação. Ele alega que vai recorrer da multa, mas lamenta não receber a notificação por email.

A expectativa é que em breve, todos os trâmites relativos à notificação do condutor migrem para plataforma eletrônica, aposentando o papel. Ainda este ano os agentes de trânsito da companhia de trânsito e transporte urbano devem começar também a usar o novo equipamento.

A repórter Clarissa Siqueira traz outros detalhes:

Mais Lidas