Trabalhadores da Refinaria Abreu e Lima interditam trânsito contra atraso de salários


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 11/11/2014 às 10:18
Leitura:
Da Rádio Jornal Foto: reprodução/twitter @josimaralves11 Foto: reprodução/twitter @josimaralves11 Batalhão de choque está em alerta neste momento na PE-60. Isso porque cerca de três mil trabalhadores da Alusa e do Conest, empresas terceirizadas que trabalham na construção da Refinaria Abreu e Lima, em Suape, protestam na via. Os funcionários protestam, desde o início da manhã, e interditam a PE-60, no sentido Cabo de Santo Agostinho, próximo à fábrica da Coca-Cola, em Jaboatão dos Guararapes. Ônibus foram utilizados para interditar a PE-60. De acordo com o Batalhão de Polícia Rodoviária, há manifestações também na PE-28, na entrada da Praia Enseada dos Corais, e na PE-42. De acordo com o diretor de fiscalização do Sintepav, sindicato que representa a categoria, Leodelson Bastos, o protesto é contra o atraso no pagamento dos salários.

Mais Lidas