Economista comenta dados do IPC-S, divulgados pela FGV

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 17/11/2014 às 16:06
Leitura:

O Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas divulgou nesta segunda-feira (17) o IPC calculado entre os dias 16 de outubro e 15 de novembro.

De acordo com os dados, o IPC-S do dia 15 de novembro apresentou variação de 0,50%, 0,01 ponto percentual acima da taxa registrada na última divulgação.

Nesta apuração, quatro das oito classes de despesa componentes do índice apresentaram acréscimo em suas taxas de variação. A principal contribuição para o avanço da taxa do índice partiu do grupo habitação (0,51% para 0,63%). Nesta classe de despesa, vale destacar o comportamento do item tarifa de eletricidade residencial, cuja taxa passou de 0,44% para 1,53%.

Também apresentaram acréscimo em suas taxas de variação os grupos: transportes (0,19% para 0,30%); educação, leitura e recreação (0,35% para 0,63%); e comunicação (0,22% para 0,23%).

Por outro lado os grupos: alimentação, saúde e cuidados pessoais, vestuário e despesas diversas apresentaram desaceleração em suas taxas de variação.

Sobre os dados, Everson Teixeira conversou na JC News com o coordenador do IPC Brasil, Paulo Picchetti. Confira:

Mais Lidas