Dez primeiros meses de 2014 são os mais quentes e meteorologista diz que já era esperado

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/11/2014 às 13:31
Leitura:

Com informações da AFP e da JC News

Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem

Os dez primeiros meses de 2014 foram os mais quentes do planeta desde que foram iniciados os registros de temperatura em 1880, informou nesta quinta-feira (21) a Agência Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos (NOAA). Trata-se do 38º mês de outubro consecutivo em que a temperatura mundial esteve acima da média do século XX, observa a NOAA.

Para o período de janeiro a outubro de 2014, a temperatura média nos oceanos e em terra foi de 10,3 graus, ultrapassando assim em 1,05 grau a média do século anterior. A temperatura média em ambas as superfícies em outubro foi de 14,74 graus Celsius, batendo o recorde anterior para esse mês em 0,01 grau.

A meteorologista da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), Aparecida Fernandes, comentou os dados em entrevista à Antonio Martins Neto na Rádio JC News. "Isso é uma coisa já esperada devido ao aquecimento (global) que vem acontecendo nos últimos anos, mas parece que as coisas estão acontecendo numa velocidade maior do que se esperava", destacou a meteorologista. Confira a entrevista completa:

Mais Lidas