Maior apreensão de maconha do ano estava escondida em salão de igreja no Cabo

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/11/2014 às 17:12
Leitura:

A Polícia Civil em Pernambuco apresentou detalhes da prisão de um ex-padre e de mais duas pessoas, acusados de tráfico de drogas. Com o grupo, a polícia encontrou 176 kg de maconha, que estavam escondidos no salão paroquial da Igreja de São Judas, da Ordem Católica Apostólica Brasileira, no Cabo de Santo Agostinho.

Mário Roberto Gomes de Arruda, de 44 anos, teria sido expulso da ordem há sete meses. Ele também já foi ligado à Igreja Romana em Juiz de Fora, Minas Gerais, de onde estava afastado há dois anos. O grupo estava sendo investigado há um mês. Esta foi a maior apreensão de maconha do ano.

Mais Lidas