Metalúrgicos devem realizar novo protesto por causa de salários atrasados

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/11/2014 às 15:05
Leitura:

O trânsito na BR-101, na entrada de Pontezinha, no Cabo de Santo Agostinho, flui com normalidade neste momento. Pela manhã, metalúrgicos das empresas Simisa e Piratininga realizaram um protesto que atrapalhou o fluxo de veículos no local. Os funcionários da Piratininga denunciam salários atrasados há dois meses e falta de pagamento do INSS e FGTS. já os 180 profissionais da Simisa, demitidos no início deste mês, ainda não receberam a recisão. O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Pernambuco (Sindimetal - PE), Henrique Gomes, faz um resumo da situação em cada uma das metalúrgicas.

O Sindmetal - PE deve se reunir esta tarde com advogados da empresa Simisa para negociar o pagamento do FGTS e do seguro desemprego dos trabalhadores demitidos no início deste mês. Apesar dessa negociação, o sindicato anuncia um novo protesto já na manhã desta terça-feira (25). As empresas Simisa e Piratininga ainda não se pronunciaram sobre o caso.

Mais Lidas