Polícia prende dez homens durante as Operações Espora e Rédea Curta

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 27/11/2014 às 15:09
Leitura:

Dez homens foram presos durante as Operações Espora e Rédea Curta, da Polícia Civil, suspeitos de integrar um grupo de extermínio que agia no Agreste de Pernambuco. A polícia apresentou nesta quinta-feira (27) detalhes da ação e apontou que os suspeitos cometeram pelo menos 10 homicídios no último ano, entre eles contra o vice prefeito de Cumaru, Marco Antônio de Bezerra Costa, no dia 2 setembro, em Caruaru.

Os mandantes do crime, Ricardo César Costa, primo da vítima e Edvaldo Carlos da Silva, funcionário de Ricardo, estão foragidos. De acordo com delegado Bruno Vital, chefe de divisão de homicídios do Agreste, a motivação do assassinato seria uma disputa de terras entre os primos, no distrito de Ameixa, em Cumaru. Ricardo teria pago ao policial militar Erick Gustavo Alves, um dos líderes da organização criminosa, R$ 50 mil para matar o vice-prefeito.

A esposa e a filha de Marco Antônio Bezerra da Costa, Maria Uneide Costa e Emanuele Costa, apontam que querem justiça pela morte do marido e pai. Elas detalharam que o vice-prefeito de Cumaru não tinha muito contato com o primo e pedem a ajuda da população para achar os suspeitos, que fugiram.

A quadrilha agia nos municípios de Belo Jardim, São Bento do Una, Sanharó, São Caetano, Caruaru e Gravatá, no Agreste. Além de Erick Alves de Souza outro policial militar também é suspeito de integrar o grupo de extermínio, que era liderado por Renato Gonçalves Ferreira, de dentro do presídio do município de Pesqueira. Informações sobre os suspeitos podem ser repassadas para o disque denúncia pelo telefone 3421.9595.

A repórter Clarissa Siqueira traz as informações:

Mais Lidas