Polícia Civil procura suspeitos de sequestrar adolescente e gerente de banco em Carpina

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 03/12/2014 às 15:06
Leitura:

Cerca de nove homens invadiram a casa do gerente financeiro do Banco do Brasil, em Carpina, na Zona da Mata Norte, no início da noite dessa terça-feira (2). Os homens fizeram reféns o funcionário e a filha dele de 15 anos até o início da manhã desta quarta-feira (3).

O grupo pretendia receber uma quantia de R$ 1 milhão em troca da liberdade da adolescente, mediante o pagamento.

No início desta manhã, a menina foi levada de casa, por volta das 4h, para um cativeiro, e o funcionário obrigado a ir até a agência no centro da cidade, para liberar o pagamento.

A demora na transação assustou os sequestradores que resolveram soltar a menor, nas proximidades de um posto de combustíveis, na BR- 232, em Moreno.

O major do 2º Batalhão da Polícia Militar, George Borba, acredita que dificuldades operacionais, teriam feito os criminosos desistirem. "O gerente não conseguiu perar o dinheiro, já que o banco tem algumas senhas de segurança. E por mais que o pai quisesse pagar o resgate ele não conseguiu sacar o dinheiro", detalhou o PM.

Encontrada por policiais militares, a garota foi levada a uma unidade de saúde e liberada em seguida após receber atendimento.

As duas vítimas foram trazidas para a sede do Grupo de Operações Especiais (GOE), no bairro do Cordeiro. Elas foram ouvidos no Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais. As investigações estão sob responsabilidade da especializada.

O repórter Rafael Carneiro traz outros detalhes:

Mais Lidas