DHPP

Troca de tiros em Jd. Brasil II deixa um morto e dois feridos

A troca de tiros aconteceu quando a polícia cumpria um mandado de prisão e o suspeito acabou morto

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 18/12/2014 às 14:27
Leitura:

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) divulgou nesta quinta-feira (18), detalhes da morte de um alvo durante o cumprimento de mandado de prisão, em Jardim Brasil II, Olinda, na Região Metropolitana do Recife.

As investigações sobre o destino de Itamar Rodrigues da Silva, de 38 anos, apontaram que o homem suspeito de executar um cabo e encomendar a morte um sargento da Polícia Militar estava na casa da amante. Quatro equipes de policiais monitoraram a movimentação de Itamar e quando tentaram capturá-lo houve troca de tiros pelas ruas do bairro.

O delegado Ivaldo Pereira explica como foi a tentativa de capturar o foragido. Confira na reportagem de Rafael Carneiro:

Quatro veículos foram atingidos pelos disparos de arma de fogo, além de um policial e um homem que realizava uma pintura numa residência.

Ainda de acordo com o delegado, o alvo também conhecido como “Nego Ita”, possuía lista como nomes de PMs de Roda de Fogo. Alguns com medo do ex detento teriam deixado o bairro que fica localizado na Zona Oeste do Recife.

Itamar Rodrigues da Silva cumpria pena na condicional deste agosto e, após o assassinato dos PMs, quebrou a tornozeleira do sistema prisional.

A investigação apurou que ele estava fora do Estado e que o motivo do retorno seria para praticar um assalto.

Mais Lidas