VIOLÊNCIA

Suspeito de assassinar enteados de 6 e 7 anos está foragido da polícia

Além das mortes, o acusado teria cometido uma tentativa de estupro na comunidade na Vila Tamandaré, na Estância.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/12/2014 às 6:14
Leitura:
Crianças foram atacadas, quando estavam dormindo. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem


O gari Robson Fernandes dos Santos, de 46 anos, está sendo procurado pelas equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Ele desapareceu da residência onde morava com a esposa e os enteados, na Rua Senador Thomaz Lobo, na Vila Tamandaré, deixando para trás uma faca peixeira manchada de sangue.

Os enteados, Maria Eduarda da Silva, de 7 anos, e o irmão dela, Marcos Antônio Ferreira, de 6 anos, foram assassinados com 25 golpes de faca cada um. A mãe das crianças, que havia saído de casa para ir trabalhar, foi avisada do duplo homicídio na manhã desta segunda-feira (22).

Robson Fernandes dos Santos e a auxiliar de limpeza, Edilaine Maria Ferreira da Silva, de 22 anos, estavam juntos havia seis meses. O assassinato chocou os moradores que não desconfiavam de maus tratos nem de violência na família. Os corpos de Maria Eduarda da Silva e do irmão Marcos Antônio Ferreira serão sepultados às 11h, Cemitério de Santo Amaro.

Muito emocionada, a avó das crianças, a dona de casa Maria da Conceição, não consegue se controlar:

A polícia apurou que Robson Fernandes dos Santos era ciumento e não tinha uma boa convivência com a própria família. Além do assassinato das crianças, ele teria cometido uma tentativa de estupro na comunidade na Vila Tamandaré, na Estância.

Antônio Neto, perito do Instituto de Criminalística diz que as crianças ainda esboçaram reação ao ataque:

Mais Lidas