LUTO

Velório de crianças mortas a facadas é marcado por tristeza e emoção

Principal suspeito de ter cometido o crime é o padastro dos irmãos de 6 e 7 anos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/12/2014 às 14:16
Leitura:
Irmãos estravam dormindo quando foram assassinados a facadas
Foto: Reprodução/ TV Jornal


Policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) trabalham na captura do principal suspeito de assassinar a facadas os enteados dele, Marcos Antonio Ferreira, 6 anos, e Eduarda da Silva, 7 anos. O auxiliar de serviços gerais Robson Fernandes dos Santos, 46 anos, fugiu após o crime. Duas equipes tentam realizar a prisão em flagrante ainda nesta terça-feira (23).

O gestor do DHPP, Darlei Timóteo, conta com o apoio da população para capturar o gari, Robson Fernandes dos Santos. "A gente faz um apelo à população para quem tiver conhecimento do paradeiro dele [Robson] que denuncie", destacou o delegado.

Confira os detalhes na reportagem de Rafael Carneiro:

Polícia conta com a ajuda da população para encontrar o suspeito


No Cemitério de Santo Amaro, na área central do Recife, os dois garotos começaram a ser velados na presença de amigos e familiares no fim da manhã. A mãe das crianças, Edilaine Maria Ferreira da Silva, precisou ser amparada o tempo todo e não se conteve ao receber os caixões. A cerimônia foi envolvida de emoção e tristeza.

Leandro Ferreira Silva, tio do casal de meninos, diz que tem sido difícil para a família a espera por resposta da polícia. "A gente está segurando como pode. Tá difícil a situação e minha irmã está a base de remédios. A gente deixou a disposição da polícia", relatou.

Mais Lidas