SEGURANÇA

Motoristas apresentam dúvidas sobre modelo de extintor determinado pelo Contran

As fiscalizações educativas do Detran seguem até o fim deste mês

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 29/12/2014 às 14:15
Leitura:

Foto: Reprodução


Uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) obriga que os motoristas circulem a partir de 1º de janeiro, com extintores em carga de pó modelo ABC. A determinação atinge em cheio os veículos fabricados antes de 2005. A partir deste ano, os carros começaram a receber o modelo ABC de extintores.

Até 31 de dezembro, fiscalizações do Detran vão oferecer orientações sobre o uso do equipamento. O coordenador de fiscalização do Detran, Éder Walter, ressalta que este tipo de extintor tem autonomia para apagar as chamas de vários materiais. Confira os detalhes na reportagem de Rafael Carneiro:

No Cordeiro, na Zona Oeste do Recife, nesta segunda feira (29), os ficais constataram condutores com dúvidas. A atenção deve ser redobrada quanto à especificação ABC, data de validade, conteúdo e lacre e selo do Inmetro.

Nos estabelecimentos que trabalham com este modelo de extintor e em postos de combustíveis o preço varia entre R$ 50 e R$ 60.

Entre os motoristas as mudanças foram bem recebidas. No entanto o aposentado Adeílton Magalhães lamenta ter que pagar novamente pelo equipamento.

As fiscalizações educativas do Detran seguem até o fim deste mês, com advertências verbais. A partir de primeiro de fevereiro, o motorista que descumprir a determinação vai receber multa no valor de R$ 127 considerada grave e 5 pontos na carteira de habilitação.

Mais Lidas