VIOLÊNCIA

Família de mulher esquartejada sofre com demora para liberação dos restos mortais

Dona de casa de 48 anos teria sido assassinada pelo ex-genro. Crime passional pode ter conotação de vingança

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 02/01/2015 às 9:30
Leitura:

Apenas a cabeça e o tronco de Ana Yles Francisca do Nascimento, de 48 anos, foram encontrados. O brutal assassinato ocorreu no interior de um apartamento do Conjunto Residencial Marcos Freire, em Jaboatão.

De acordo com a polícia, o principal suspeito é o ex-genro da vítima, Pablo Jorge Rangel de Araújo, de 24 anos. Ele teria alugado o imóvel somente para se vingar da dona de casa por conta do fim do relacionamento com a filha.

A liberação dos restos mortais de Ana Yles depende de exames de DNA, que começam a ser feitos a partir desta sexta-feira (2).

Pablo Jorge Rangel de Araújo é natural do Rio de Janeiro e tem antecedentes criminais por tráfico de drogas e roubo. Sara Raíza, filha da dona de casa esquartejada, diz que o ex-companheiro da irmã é um sujeito muito violento:

Mais Lidas