PRISÃO

Polícia Federal prende italiano procurado pela Interpol em Piedade

Mirco Folli procurado em 190 países e morava em Pernambuco há 10 anos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 14/01/2015 às 12:51
Foto: reprodução/TV Jornal


O italiano Mirco Folli, de 45 anos, morava há 10 anos no Brasil. Procurado em 190 países pela Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol), Mirco foi preso na casa onde morava no bairro de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, nesta quarta-feira (14). Ele vivia legalmente no Estado, era dono de uma pizzaria e fazia parte da federação pernambucana de Rugby. A prisão do estrangeiro foi realizada pela Polícia Federal, que tinha um mandado de prisão preventiva para fins de extradição, solicitado pelo Governo Italiano e emitido pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

De acordo com a PF, Mirco Folli é considerado foragido da Itália desde setembro do ano passado. Lá, ele foi condenado a 10 anos e 7 meses de prisão por favorecer a imigração clandestina e a exploração sexual, por porte ilegal de arma de fogo e por ter cometido crimes financeiros contra o país europeu, como sonegação fiscal. A Polícia Federal não tem nenhum registro de crimes cometidos pelo italiano em Pernambuco.

O italiano foi encaminhado para o o Centro de Triagem de Abreu e Lima (Cotel), enquanto as autoridades italianas providenciam a extradição. Não há previsão de quando isso deve acontecer.