VIOLÊNCIA

Mulher é morta a facadas depois de prestar duas queixas à polícia contra o suspeito

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 16/01/2015 às 14:41

Uma mulher de 30 anos foi assassinada com duas facadas, nesta sexta-feira (16), na Rua Herculândia, em Água Fria, na Zona Norte do Recife. Angeli Lourenço da Silva foi abordada por um homem quando ia de bicicleta para o trabalho, uma loja de confecção. Ela morreu no local e testemunhas afirmaram que o suspeito tinha uma tatuagem de dragão no braço.

A família da vítima informou que ela já havia prestado duas queixas na polícia contra o homem, mas eles não sabem a relação dos dois. Parentes de Angeli estiveram no Instituto de Medicina Legal (IML), no Recife, mas não quiseram se pronunciar sobre o caso. As facadas atingiram o tórax e o braço esquerdo da vítima.

A delegada responsável pelo caso, Eliane Caldas, informou que o suspeito foi identificado como João e afirma que a partir de agora é preciso trabalhar para localizá-lo.

Nenhum pertence da vítima foi levado, o que descarta a possibilidade de latrocínio, que é roubo seguido de morte. Uma equipe do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) está investigando o caso. Quem tiver informações sobre o suspeito, pode ligar para o 9488.3421. O anonimato é garantido.