Público lota Baile dos Artistas, umas das prévias carnavalescas mais tradicionais do Recife

CARNAVAL

Da Rádio Jornal

A jornalista Graça Araújo foi a talismã da festa
Foto: Hesídio Goes / especial para JC Imagem



Luxo, criatividade e irreverência. Esses foram alguns dos elementos que fizeram parte do 37º Baile dos Artistas. O evento foi realizado, nesse sábado (25), no Clube Português, no Bairro das Graças, na Zona Norte do Recife, e reuniu centenas de foliões sob o tema “Uma noite em Las Vegas”.

O público pode conferir o tradicional concurso de fantasias com o desfile de onze participantes. As peças vencedoras foram: “A boneca luxuosa que dorme na caixa”, em primeiro lugar, com premiação de R$ 3 mil; em segundo, “Um quilo de amor à natureza”, com prêmio de R$ 2 mil; e, em terceiro, a fantasia “Barbichona”, que faturou R$ 1 mil. O Galo da Madrugada foi homenageado pelo baile que colocou logo na entrada uma decoração em referência ao maior bloco carnavalesco do mundo, segundo o livro dos recordes.
 
A jornalista Graça Araújo foi a talismã da festa. O jornalista Hugo Estevez e a cantora Cristina Amaral,  foram rei e rainha do baile, enquanto o ator e cantor Johnny Hooker e a jornalista Monalisa Duperron foram o príncipe e a princesa do evento. O embaixador e representante da cultura pernambuca no baile foi o cantor Claudionor Germano. Ele, que completa em 2015 68 anos de carreira, protagonizou um dos momentos mais emblemáticos do baile: a passagem simbólica do bastão do frevo para o filho Claudionor Germano. O cantor de sucessos como “Nem que chova canivete” e “A mesma rosa amarela” fez questão de afirmar que apenas está diminuindo o ritmo e não pretende deixar os palcos.

[uolmais_audio 15352364]

Depois do show de Claudionor e Nonô Germano, foi a vez do público dançar ao som de Preta Gil, funkeira Valesca Popozuda e da banda de brega pernambucana Takitá, que encerrou a festa em grande estilo.

TAGS

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

CONTINUE LENDO