TRABALHO

Em protesto, servidores do TJPE paralisam atividades

Uma campanha chamada de “Progressão, Questão de Justiça” foi criada para chamar a atenção da sociedade para os problemas enfrentados pela categoria

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 11/02/2015 às 14:27
Foto: Reprodução / Internet


Oficiais de Justiça e servidores de todos os fóruns de Pernambuco adotaram uma paralisação de 24 horas, nesta quarta-feira (11). As atividades interrompidas são em forma de protesto em prol do plano de carreiras. Os trabalhadores reclamam que há cerca de um ano foi aprovada uma pauta de reivindicações da categoria, que deveria atender demandas como baixa remuneração, rotatividade e alta evasão de servidores, além de isonomia do auxílio alimentação. O presidente da Associação dos Servidores do Poder Judiciário, Milton Correia, explica, o que significa a progressão funcional.

Cerca de cinco mil funcionários paralisaram as funções em todo o Estado. Uma campanha chamada de “Progressão, Questão de Justiça” foi criada para chamar a atenção da sociedade para os problemas enfrentados pela categoria.

Serviços como alvarás de soltura, ofícios, liminares e mandados de segurança continuam sendo oferecidos normalmente. De acordo com o sindicato, o atendimento vai ser normalizado nesta quinta-feira (11).