VIOLÊNCIA

Corpo carbonizado encontrado próximo à estação Werneck ainda não foi identificado

Populares da localidade afirmavam que o corpo se tratava de um adolescente de 16 anos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/02/2015 às 14:34

Vão ser coletados, nesta terça-feira (24), os materiais necessários para identificação do corpo encontrado carbonizado, no final da tarde do último domingo (22), na estação de metrô Werneck, no bairro de Jardim São Paulo, na Zona Oeste do Recife. De acordo com o perito do Instituto de Criminalística, Antônio Neto, quando a equipe policial chegou ao local, o corpo ainda estava em brasa. Com 75% do cadáver carbonizado, o sexo e a identidade da vítima não foram descobertos, devido ao estado de combustão do corpo.

Durante o ocorrido, populares da localidade afirmavam que o corpo se tratava de um adolescente de 16 anos. José Ricardo Tavares, pai do jovem, esteve, na manhã desta segunda-feira (23), no Instituto de Medicina Legal (IML) para verificar a possibilidade do corpo ser do filho dele.



Ainda no local onde o corpo foi encontrado, os peritos também encontraram objetos que revelam a prática do tráfico de drogas, de prostituição e de desmanche de carros. O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Enquanto isso, o cadáver é mantido no IML do Recife. De acordo com a Assessoria do Metrorec, o corpo foi encontrado na Companhia Ferroviária do Nordeste, área que não é de responsabilidade da instituição.