CRIME

Depois de apreensão histórica, polícia procura médico apontado como maior revendedor de armas de Pernambuco

De acordo com o Denarc, o armamento pertencia ao cardiologista Wellington Martins dos Santos, de 54 anos, e a esposa do médico, a psicóloga Fábia Alves Dantas, de 34

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/02/2015 às 14:59
Foto: Reprodução / TV Jornal


Com uma apreensão recorde de armamentos pelo Departamento de Repressão ao Narcotráfico, a Polícia Civil acredita estar próximo de localizar o médico conhecido por "Senhor das Armas" do Agreste de Pernambuco. Na ação, no município de Caruaru, os policias prenderam três pessoas e encontraram em uma casa 65 armas e cerca 20 mil munições.

De acordo com o Denarc, o armamento pertencia ao cardiologista Wellington Martins dos Santos, de 54 anos, e à esposa do médico, a psicóloga Fábia Alves Dantas, de 34. Os dois seriam os responsáveis pelo comercio de armas no interior do estado e a polícia não descarta a participação do casal em crimes em outros pontos do Nordeste. De acordo com o gestor do Denarc, Leonardo Freire, para chegar ao local onde o material era armazenado, as investigações duraram 30 dias. Ele aponta que os dois homens e a mulher detidos na casa trabalhavam para o médico.

Entre o material apreendido estavam fuzis, armas de diversos calibres, carregadores, chumbos e uma metralhadora com silenciador. O chefe da Polícia Civil de Pernambuco, Antonio Barros, aponta que o objetivo da ação é de diminuir o número de homicídios no Estado e a os esforços agora são para encontrar o médico e a esposa que já têm prisão preventiva decretada desde novembro do ano passado.

Os dois homens presos foram encaminhados para o Centro de Triagem (Cotel), em Abreu e Lima, no Grande Recife. A mulher foi para a Colônia Penal Feminina no Recife. Quem tiver informações sobre o médico e a psicóloga podem ligar para o disque-denuncia pelo telefone 3421-9595.