PREFEITURA DO RECIFE

Criação da Secretaria de Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas tem repercussão social e política

Indicação de Aline Mariano pode ser uma estratégia do PSB para dificultar a candidatura do PSDB à Prefeitura do Recife

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 27/02/2015 às 8:01
Foto: Arquivo/JC Imagem


Com criação divulgada no Diário Oficial do Município na noite dessa quinta-feira (26), a nova secretária de Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas, chegou causando polêmica. Quem vai ocupar o cargo é a vereadora Aline Mariano do PSDB, partido que já havia anunciado que terá candidato próprio na disputa pela Prefeitura do Recife no ano que vem.

A ida da parlamentar para pasta pode ter sido pensada para inviabilizar o projeto do deputado Federal Daniel Coelho, que faz oposição à gestão e tem interesse em disputar novamente o cargo de prefeito. A nomeação de Aline Mariano por Geraldo Julio (PSB) teria acontecido sem o aval do PSDB.

Aline Mariano é formada em Serviço Social e está no segundo mandato como vereadora do Recife. Na Câmara Municipal foi presidente da comissão de Direitos Humanos e cidadania durante seis anos. Atualmente é vice-presidente da Frente Parlamentar de Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas da Câmara.

Atuou ainda na Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania, Secretaria Estadual de Justiça e na Secretaria de Saúde do Governo do Estado, onde foi uma das idealizadoras do Núcleo Integrado de Segurança e Atenção às Mulheres Vítimas de Violência.