CÂMARA

PSDB ameaça ir ao STF contra benefício nas passagens aéreas

Deputados de três legendas, PSDB, PSOL e PPS, anunciaram que não vão utilizar as passagens.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 27/02/2015 às 13:08

Nesta quinta-feira (26), um dia após a Câmara dos Deputados liberar a cota de passagens aéreas para cônjuges de deputados, três legendas abriram mão do benefício. Parlamentares do PSDB, PPS e PSOL anunciaram que não vão utilizar as passagens. O deputado Carlos Sampaio, líder do PSDB, ainda ameaçõu ir ao STF contra a medida, que classificou como "aumento abusivo e inaceitável".

Confira o comentário diário de Romoaldo de Souza, repórter da Rádio Jornal em Brasília, publicado no Redator de Plantão desta quinta-feira (26). O programa é transmitido da segunda ao sábado, das 6h às 6h45.