DOENÇA

Pernambuco está em alerta para o aumento das notificações de casos de dengue neste início de ano

Apesar de alto, Pernambuco ainda não está em situação epidêmica

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 05/03/2015 às 14:45
Leitura:
População deve ficar atenta a possíveis focos de reprodução do mosquito
Foto: Bobby Fabisack / JC Imagem


Entre os dias 4 de janeiro e 21 de fevereiro deste ano foram notificados mais de 3500 casos de dengue, em 115 municípios de Pernambuco. O número representa um crescimento de mais de 150% em relação ao mesmo período de 2014, quando foram notificados 1.425 pacientes. Mas, em relação a óbitos, houve uma redução de 73%. Neste ano, a causa da morte de quatro pessoas infectadas pela doença está sendo investigada, enquanto outros 12 casos foram confirmados no último ano.

De acordo com a coordenadora do Programa de Controle da Dengue e Febre Chikungunya em Pernambuco, Claudenice Pontes, a atual situação climática é um grande fator do aumento dos casos.

Apesar do número de casos, Pernambuco ainda não está em situação epidêmica. Em mobilização para combater os casos no Estado estão sendo capacitados médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde de Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs), hospitais de grande porte, policlínicas, postos de saúde e profissionais da saúde da família.

Os municípios com mais casos de dengue no Estado são Custódia, Inajá, Sertânia, Ibimirim, Chã de Alegria, Surubim, Frei Miguelinho, São José do Egito, Recife e Passira.

Mais Lidas