OLINDA

Familiares e amigos se despedem da criança de 5 anos que morreu após queda de muro de escola

A avó paterna da criança, Wilma dos Santos, pede justiça e diz que não sabe como uma escola trabalha sem manutenção

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 13/03/2015 às 15:29
Leitura:
Foto: Aracelly Nóbrega / Rádio Jornal


Comoção e revolta marcaram o enterro de Alisson Albino Barros dos Santos no cemitério de Beberibe. O menino de 5 anos morreu na última quinta-feira (12) depois de ser atingido na queda de um muro da escola onde estudava, em Caixa d'Água, em Olinda. A avó paterna da criança, Wilma dos Santos, pede justiça e diz que não sabe como uma escola trabalha sem manutenção:



Foto: Aracelly Nóbrega / Rádio Jornal


A mãe do menino, Andreza Santos, foi até o Instituto de Medicina Legal, no Centro de Recife, para liberar a saída do corpo. Grávida há sete meses, a comerciante passou mal e desesperada chorava sem acreditar que o filho tinha morrido.

A creche e escola Dom Helder, onde aconteceu o acidente, passou o dia fechada. Uma faixa preta foi colocada em frente à instituição de ensino, em luto pelo ocorrido. A Delegacia do bairro de Peixinhos, em Olinda, investiga o caso.

Mais Lidas