VIOLÊNCIA

Polícia procura suspeitos de atropelar e matar policial militar na Zona da Mata Norte

Newton Carlos de Andrade foi atropelado em um canavial enquanto seguia os criminosos. O parceiro dele fraturou o punho e está em observação.

Do Redator de Plantão
Do Redator de Plantão
Publicado em 16/03/2015 às 5:40
Leitura:

A Polícia continua em busca de dois dos três suspeitos de participar da morte de um policial militar durante perseguição que partiu de Timbaúba, na Zona da Mata Norte do Estado. O soldado Newton Carlos de Andrade, de 32 anos, foi atropelado pelo carro dos fugitivos num canavial no município de Ferreiros, também na Mata Norte, e ficou preso às farragens.

De acordo com nota divulgada pela polícia, o soldado fazia parte do Segundo Batalhão das Rondas Ostensivas com apoio de Motocicletas (ROCAM) e havia percebido que o trio portava armas dentro de um carro. Um dos pm’s que participou da perseguição também foi atropelado. Ele fraturou o punho e está em observação no Hospital Getúlio Vargas.

A Polícia Militar decretou luto oficial de três dias. O corpo de Newton foi enterrado nesse domingo, na cidade de Carpina. O soldado era casado, deixa esposa e dois filhos. Saiba mais na reportagem de Ramos Silva, da redação do jornal Voz do Planalto:

Mais Lidas