EDUCAÇÃO

Professores da rede estadual de ensino fazem assembleia nesta sexta para definir rumos da paralisação

Os quase 40 mil docentes de Pernambuco reivindicam aumento de 13,01% para toda a categoria

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 26/03/2015 às 16:01
Leitura:
Foto: Lucio Neto/via comuniQ


Após dois dias de atividades paralisadas, os professores da rede estadual de ensino se preparam para a Assembléia Geral da categoria, na manhã desta sexta-feira (27), no bairro da Boa Vista, no Centro do Recife. Os quase 40 mil docentes de Pernambuco reivindicam aumento de 13,01% para toda a categoria. O Governo do Estado concedeu esse percentual apenas aos professores que possuem magistério, o que representa menos de 10% da classe. De acordo com o sindicato que representa a categoria, a ação das últimas 24 horas foi positiva, com quase 90% de adesão. O presidente do Sintepe, Fernando Melo, detalha a proposta da assembléia.

Cerca de 650 mil alunos da rede ficaram sem aulas por conta da paralisação dos professores que começou na quarta-feira (25). A escola estadual Brigadeiro Eduardo Gomes, em Boa Viagem, tem 1.596 estudantes matriculados, mas as salas de aulas permaneceram vazias nesta quinta. A orientação aos alunos é para que liguem se informando se nesta sexta os docentes foram trabalhar ou se participam da assembleia da categoria.

Já os estudantes da rede pública realizaram protesto nesta quinta-feira (26) pelas ruas do Centro do Recife. Cerca de 150 pessoas saíram em caminhada da Praça 13 de Maio com destino ao Palácio do Campo das Princesas. O trânsito ficou lento no inicio da tarde, principalmente na Avenida Conde da Boa Vista. O grupo apoia a paralisação dos professores e reivindicam melhores condições nas escolas.

Mais Lidas