CRIME

Mulher grávida é a principal suspeita de assassinar a facadas o próprio marido na Estância

O delegado Breno Maia explica que a hipótese de crime por legítima defesa também não pode ser descartada.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 30/03/2015 às 10:19
Leitura:

O homem, identificado como Alexandro Augusto Barbosa da Silva, de 32 anos, foi morto com três golpes de faca durante uma discussão doméstica. O crime aconteceu na manhã desse domingo (29) numa residência da rua Marquês de Itanhaém, no bairro da Estância.

A suspeita, identificada como Maeline Shirley e que estaria no quinto mês de gravidez, fugiu para a casa da mãe. Posteriormente ela se apresentou de maneira espontânea no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Alguns vizinhos foram ouvidos e disseram que o casal brigava constantemente, e que Alessandro era usuários de drogas. Rosinaldo Rocha, amigo da vítima, comenta sobre os desentendimentos frequentes entre o casal.

Segundo informações repassadas pela polícia, já havia um histórico de violência doméstica naquela residência. A discussão entre os dois teriam acontecido na madrugada, e Maeline ainda tentou entrar em contato com familiares, mas não conseguiu.

Ainda de acordo com a polícia, a faca utilizada no crime foi encontrada na cozinha da residência do casal. Como se apresentou espontaneamente à delegacia, Maeline vai responder ao inquérito em liberdade.

O delegado Breno Maia, responsável pelo caso, explica que a hipótese de crime por legítima defesa também não pode ser descartada.

Mais Lidas