RELIGIÃO

Tradicional missa do Domingo de Ramos na Catedral da Sé em Olinda abre as celebrações da Semana Santa

Em Petrolina, as celebrações reuniram dezenas de fiéis em caminhada. Discursos realizados nas celebrações foram marcados pelo teor político

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 30/03/2015 às 8:33
Leitura:
Pintura do pintor espanhol Kiko Arguello. Foto: reprodução/internet


Antes da celebração principal, uma procissão partiu da Escola Sagrado Coração de Jesus e Seguiu até o Convento de São Francisco. Milhares de pessoas acompanharam o cortejo, que passou pela Rua Frei Afonso Maria, seguindo para o Alto da Sé e Ladeira de São Francisco.

Na Catedral da Sé, a Missa de Ramos foi presidida pelo Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido. No sermão, o religioso fez duras críticas ao aumento do desemprego no País à atuação dos políticos brasileiros.

Outra missa, desta vez no convento de São Francisco, foi presidida pelo frei José Milton, da ordem dos frades menores. Ele destaca a importância do momento e fala sobre o que o cristão precisa refletir nesse período de Páscoa.

Em Petrolina dezenas de fiéis participaram das celebrações que abrem o período religioso. A concentração acompeteceu no Centro Social Pio XI, no centro da Cidade. Uma camihada realizada por jovens que representavam Jesus e os apóstolos seguiu até a Igreja de Nossa Senhora Rainha dos Anjos, também no Centro. O pároco da Igreja, Milton Porfírio, afirma que as celebrações continuaram durante toda a semana até o Domingo de Páscoa (05/04).

Mais Lidas