DENÚNCIA

Com condições precárias, Sindicato dos Policiais vai pedir interdição de IML no Recife e em Petrolina

O levantamento, realizado entre os dias 14 de março e 5 de abril, percorreu 30 cidades como Araripina, Moreno, Serra Talhada, Tacaratu e Garanhuns

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 06/04/2015 às 17:42
Leitura:
Foto: Reprodução / Divulgação


O Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco divulgou, nesta segunda-feira (6), um dossiê onde detalha condições físicas precárias em delegacias e Institutos de Medicina Legal (IML) do Estado. O levantamento, realizado entre os dias 14 de março e 5 de abril, percorreu 30 cidades como Araripina, Moreno, Serra Talhada, Tacaratu e Garanhuns.

[GALERIA]

Nas visitas foram encontrados esgotos estourados, paredes mofadas e funcionários trabalhando em condições extremas, como necrópsias ao ar livre:



O sindicato vai pedir a interdição do IML de Petrolina e do Recife e da Delegacia do Cabo, da Macaxeira, no Recife, e a do plantão de Olinda.

Mais Lidas