LAVA JATO

Tesoureiro do PT presta depoimento a CPI da Petrobras e ex-delator muda discurso

João Vaccari Neto, negou que o PT teria se beneficiado com o dinheiro do esquema de corrupção. No Paraná, o ex-diretor da Petrobras mudou a versão do depoimento.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 10/04/2015 às 8:17
Leitura:

Em depoimento a CPI da Petrobras nessa quinta-feira (9), o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, negou que o partido teria se beneficiado com o dinheiro do esquema de corrupção. Mesmo tendo o direito de ficar em silêncio, Vaccari não se negou a responder as perguntas. O clima ameno do depoimento só foi interrompido quando um funcionário da Câmara dos Deputados soltou cinco roedores no plenário da comissão. Ele já foi demitido.

No Paraná, ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, mudou a versão do depoimento que deu na delação premiada. Segundo ele, não houve superfaturamento nas obras das Petrobras. Caso fique comprovado que Paulo Roberto mentiu, a delação premiada será revista.

Confira o comentário diário de Romoaldo de Souza, repórter da Rádio Jornal em Brasília, publicado no Redator de Plantão desta sexta-feira (10). O programa é transmitido da segunda ao sábado, das 6h às 6h45.

Mais Lidas