INTERNET

Cidade Viva debate crise hídrica em Pernambuco. Ouça agora na Rádio Jornal

Programa vai ao ar, nesta terça-feira (14), das 16h às 17h

do Jornal do Commercio
do Jornal do Commercio
Publicado em 14/04/2015 às 14:00
Leitura:





Para ampliar o debate entre a população e gestores públicos, o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação realiza mais uma edição do Cidade Viva, programa transmitido via internet que visa informar, debater e analisar os problemas do presente, pensando no futuro. O primeiro programa é exibido nesta terça-feira (14), das 16h às 17h, no Portal NE10 (ne10.com.br/cidadeviva), Rádio Jornal (AM 780 kHz e FM 90,3 MHz) e em todos os sites dos veículos do SJCC. O tema será "Água: o que o futuro nos reserva?" e o gestor convidado para o debate é o presidente da Compesa, Roberto Tavares.

Apresentado por Inês Calado, o programa terá uma hora de duração e contará com a participação de Ricardo Braga, presidente da Associação Águas do Nordeste (ANE), Giovanni Sandes, colunista do Jornal do Commercio, e Ciara Carvalho, repórter especial do JC. A partir desta nova temporada, Gilvan Oliveira, editor de Política do JC, passa a compor a bancada fixa de debatedores.

Em 2013, o programa focou nos problemas da cidade do Recife. Neste ano, os temas vão abranger todo o Estado. "Agora nós teremos uma abordagem mais ampla, debatendo problemas mais estruturais que impactam tanto quem vive na capital como na região metropolitana e interior do Estado", explica Inês Calado, editora do NE10 e apresentadora do Cidade Viva.

Dividido em três blocos, o programa vai tratar as diversas faces da crise hídrica que ameaçam a economia e afetam milhares de pessoas em Pernambuco. No primeiro bloco serão abordados os problemas da Região Metropolitana do Recife. Já no segundo, a seca que atinge as cidades do Agreste e Sertão será o tema principal. Iniciativas sustentáveis e práticas que promovem o uso consciente da água, tanto de empresas privadas como de cidadão, serão abordados no último bloco.

A participação dos internautas é o grande diferencial do projeto. Comentários, perguntas e sugestões podem ser enviadas através do Twitter e Facebook (facebook.com/PortalNE10) do Portal NE10, utilizando a hashtag #CidadeViva, e no próprio canal do Cidade Viva no portal. Para Beatriz Ivo, membro do Comitê de Conteúdo do SJCC, o programa é um instrumento que garante a participação direta da população nos grandes temas que precisam ser debatidos: "O Brasil e Pernambuco precisam cada vez mais ser analisados, discutidos e debatidos com olhos mais atentos, para que as questões importantes não ganhem apenas relevância de quatro em quatro anos na época das eleições. A fiscalização tem que ser permanente e o papel do SJCC é esse: jogar luz nos assuntos que vão decidir o futuro". Ela ressalta, ainda, que o Cidade Viva "é uma ferramenta moderna que faz que a participação direta do público funcione como um instrumento de cidadania eficiente".

Em 2013, foram exibidos oito programas debatendo temas como chuvas, desordenamento urbano, ataques de tubarão nas praias do Grande Recife, educação, entre outros. Com o Cidade Viva, o NE10 conquistou os números mais expressivos de interação de sua história, superando as transmissões de Carnaval, quando alcançava recordes de audiência. Logo no primeiro programa, em 17 de abril de 2013, o recém eleito prefeito do Recife, Geraldo Julio, anunciou, em primeira mão, a contratação de 400 orientadores de trânsito para atuar na cidade. Todos os programas tiveram destaque no UOL, maior portal de notícias da América Latina, do qual o NE10 é parceiro, além de ampla cobertura de todos os veículos do SJCC.

Mais Lidas