ENTREVISTA

Saiba mais sobre São Jorge, o soldado romano que se converteu em mártir da Igreja católica

O padre Luciano Brito, da Pastoral da Comunicação, explica que protege contra as tentações e as "pestes".

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/04/2015 às 12:51
Leitura:
Foto: reprodução/internet


Em 23 de abril é comemorado o Dia de São Jorge. para falar sobre o tema, o comunicador Geraldo Freire conversou com o padre Luciano Brito, da Pastoral da Comunicação da Arquidiocese de Olinda e Recife. São Jorge protege contra as tentações e é mártir da Igreja.

De acordo com o padre, São Jorge foi um soldado romano no exército do imperador Diocleciano e é tido como mártir cristão. Ele teria nascido na antiga Capadócia, que agora faz parte da República da Turquia. De família nobre, Jorge mudou-se para a Palestina quando o pai morreu. ele chegou a ocupar uma posição de destaque no exército, mas renunciou à carreira para defender os cristãos contra a crueldade do imperador.

Depois de torturado e condenado à morte, tornou-se uma figura bastante popular. A imagem de São Jorge é composta pela couraça, a espada e o escudo e representa a fé, a esperança e a caridade. Ouça a entrevista completa no player abaixo:

No Rio de Janeiro, por exemplo, hoje é feriado. Já no Recife, é difícil encontrar uma igreja que realize uma liturgia específica para o santo. A imagem do Santo é muito associada aos cultos sincréticos das religiões brasileiras de matrizes africanas.

Mais Lidas