CORRUPÇÃO

Depoimento na CPI da Petrobras complica situação de Vaccari

O empresário Augusto Mendonça Neto declarou que para fechar os contratos era preciso participar do "clube".

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/04/2015 às 8:56
Leitura:

O depoimento empresário Augusto Mendonça Neto, presidente da empresa Toyo Setal, nessa quinta-feira (23), na CPI da Petrobras pode complicar a situação de João vaccari Neto. O empresário declarou que antes de fechar os contratos, era informado de que a assinatura somente seria dada se o ele aceitasse participar do "clube".

O deputado Antônio Imbassahy, líder do PSDB, vai apresentar requerimento paraque seja feita acariação com o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, para averiguar as contradições nos depoimentos.

Confira o comentário diário de Romoaldo de Souza, repórter da Rádio Jornal em Brasília, publicado no Redator de Plantão desta sexta-feira (24). O programa é transmitido da segunda ao sábado, das 6h às 6h45:

Mais Lidas